Descobrindo a Califórnia – Parte 6

Hello All,

Chegou finalmente o dia de conhecermos o coração e a mina de ouro dos Estados Unidos, HOLLYWOOD!!

Hollywood é um distrito da cidade de Los Angeles e a capital mundial do cinema. Lá estão concentradas as maiores empresas cinematográficas e assim, uma quantidade enorme de dinheiro circula por aquelas ruas.

Vou confessar que assim que cheguei ao distrito, esperava ver a famosa e imensa placa (ai de cima) de Hollywood. Porque afinal, já que ela é imensa, era para ser vista por toda a cidade, certo? Errado!

Aliás, logo que chegamos a Hollywood, vimos tudo: milhares de outdoors, lançamentos de filmes, Mickeys, Minnies, homem de ferro, Elvis Presley, Marilyn Monroe, todos os personagens que um dia já estiveram em uma tela de cinema, taxi, taxi e mais taxi. Mas, não vimos nem um pedacinho se quer da placa.

A nossa ideia era conhecer um pouco da Calçada da Fama, o Teatro do Oscar e depois seguir para achar a placa de Hollywood. Porém, como roteiros são feitos para serem quebrados, tivemos uma surpresa muito divertida no meio do dia, que tomou todo nosso tempo. O Museu de Cera – Madame Tussauds.

Calma. Pera, pera. Deixa eu voltar lá no início, para contar os todos os detalhes do dia.

Como falei, chegamos a Hollywood! O primeiro grande desafio foi conseguir uma vaga para o carro. Todos os locais com vagas determinadas na rua estavam ocupados e ainda por cima, os estacionamentos lotados. Depois de rodarmos um tanto quanto, encontramos um estacionamento que cobrava 10 dólares o dia todo e finalmente, começamos a exploração pela cidade das oportunidades. Ps: Por favor, se viajar não converta e seja feliz (haha)

Hollywood Boulevard

Andando pelas ruas, antes da calçada da fama, você encontra milhares de kit nets daqueles bem feios mesmo. Acho que o mundo inteiro vai para lá tentar uma oportunidade e obviamente, uma parcela bem pequena consegue. Tenho a impressão de que todos os motoristas de taxis e as atendentes das lojas, quando saem de seus empregos, vão fazer um teste para um papel no cinema. E talvez, seja exatamente assim que algum dia eles sejam grandes artistas.

Enfim, chegamos a calçada da fama e em dias de agosto, as ruas ficam muito, muito cheias. Quando você achar um aglomerado de gente parado e olhando para o chão, para, porque é lá que vai está uma estrela de um artista famoso.

 Andamos por uma boa parte da calçada da fama, sempre desviando dos personagens ambulantes. Eles deixam o lugar bem divertido e leve. Só nunca se esqueçam dos famosos tips (gorjetas) que já alertamos. Essas pessoas fantasiadas, trabalham com isso e eles esperam ser reconhecidos por isso. Então, nada te impede de dar 50 centavos, por exemplo, de gorjetas já que não é uma obrigação. Mas, caso você faça isso, eles irão te odiar.

O Dolby Theatre é o teatro onde as pessoas mais famosas do mundo se encontram uma vez no ano para o Oscar. Eu realmente achava que ele ficava aberto para visitação, nem que fosse uma pequena parte dele. Porém, como não somos Angelina e Brad, somos apenas Lucas e Letícia mesmo, só pudemos tirar foto da entrada dele, que tem umas pegadas no chão de, também, pessoas famosas (juro, elas dominam o mundo)

Tiramos nossas fotos e bem do ladinho do Teatro, tem um shopping com uma escada muuuuito legal. Cada degrau dela saí o som de uma nota de piano, vou postar o vídeo da escada com som, no Instagram (então, por favorzinho sigam a gente no @viagemdavez). Demos uma volta pelo shopping, mas não compramos nada. Qualquer pessoa que pisa em um outlet e não tem muita grana,  sabe que é uma facada no coração comprar em qualquer outro lugar!!

Já estávamos super preparados para sair de carro e começar a busca pela placa. Só que aí… passamos em frente ao Madame Tussaud, o museu de cera e decidimos entrar, só para perguntar o preço. Vou confessar que eu e Lucas, não somos muito fãs de museus. Não achava muita graça entrar em um lugar só para ver imitação de pessoas em cera. Mas hey, NUNCA pense isso, porque juro que foi um dos lugares mais legais que já fomos na vida.

Madame Tussauds

Logo na entrada do museu, tinha uma imensa promoção, com um combo de ingresso do Museu de Cera + Parque da Universal por 95 dólares. Simmm, só o ingresso da universal custa 95 dólares, então nesse combo, era de graça a entrada do museu, o que foi uma super vantagem.

Caso você compre os dois ingressos separados, vai pagar 45 dólares do museu + 95 do parque. Nossa dica é: sempre pesquise esses combos nos sites ou na entrada do próprio museu, você economiza bastante. Lá, também tinha opção de combos incluindo os dois parques da Disney e a Warner Bross. Queríamos muito ter ido nesses também, mas não iríamos ter tempo e também ficaria bem mais caro. Assim, escolhemos duas atrações que nunca vamos nos arrepender.

O museu tem três andares, com diversos cenários. Eu nunca imaginei que seria assim, não eram apenas bonecos em pé que se pareciam com os famosos. Eram cenários, que faziam você se imaginar naquele local. Tudo é pensado: o cheiro, o ambiente, as características, o vestuário e até as músicas em cada sala.

O que achei mais legal, é que eles permitem que nós tiremos as fotos com os celulares. Porque seria péssimo, se fossemos obrigados a comprar as fotos depois. Eles tiram, sim, várias fotos e oferecem para que você compre depois, mas isso não impede a gente de tirar nossa própria foto.

O que nós mais amamos, definitivamente, era tirar as fotos como se estivéssemos em uma cena e contracenando com os personagens. Juro, que a gente se divertiu muito mesmo. E foi mal por tantas fotos, mas eu não me aguento!

Assim que saímos do museu, ele te direciona direto para uma lojinha, com todas as lembrancinhas que eu queria comprar. Se leram os outros artigos, sabem que eu sou louca por comprar lembrancinhas para a família. E Hollywood é, literalmente, o mundo das lembrancinhas.

Passeamos mais um pouco pela calçada da fama e fomos procurar um lugar para comer. Lá na Califórnia você vai ver o tempo todo um IN-N-OUT Burger. Ele é uma cadeia de fast food criado em 1948 na Califórnia e um dos mais antigos do país. A marca característica deles são as famosas Palmeirinhas e a sua sede mais famosa é a de Hollywood (fica a dois quarteirões da calçada da fama). Por isso, fomos direto para lá comer. Isso tudo, só tradição do local mesmo, nada a ver com o fato da gente ter comido hambúrguer 14 dias seguidos. Afinal de contas, você não passa por uma cidade que leva tão a sério o hambúrguer e não come no seu mais emblemático restaurante, né? Hahahaha.

Enfim, adoramos o IN-N-OUT, ele é o mais barato que comemos e um dos mais deliciosos também. Não tem nada de muito elaborado nele, é apenas o simples, sendo muito bem feito.

Depois de andar muito, nos divertir muito e comer muito, estávamos literalmente acabados e bem cansados.  Então, pegamos o nosso carro e dirigimos de volta para a casinha dos nossos amigos.

Espero que vocês tenham ficado muito animados com nosso dia em HOLLYWOOD e estejam desejando conhecer esse lugar único, onde dizem que todos os sonhos se realizam. O meu se realizou e estar naquele lugar é algo incrível.

Mas, e a placa????

Acabamos que não achamos ela naquele dia e voltamos para casa para procurar a melhor rota e conseguir chegar bem pertinho dela. Além do mais, para aproveitar a vista, não rola ir de noite para lá, não é? Mas calma que o dia dela vai chegar e vamos contar tudinho.

No próximo artigo vamos compartilhar, uma das partes mais sensacionais da nossa viagem: Um dia na Universal Studios e o dia que assistimos o Dallas Cowboys treinar (somos loucos por futebol americano!!!)

Continuem com a gente, por que amamos dividir nossas memórias com vocês!

Mil Beijos!

Letícia Vianna.

Acho que você vai gostar:

1 comentário

Deixe uma resposta